demissão (3)

10570700483?profile=RESIZE_710x

 

 

Por Jacilio Saraiva | Valor Econômico

 

A Bayer, multinacional alemã de produtos farmacêuticos e agroquímicos, está usando uma ferramenta capaz de prever pedidos de demissão dos funcionários. Baseado em recursos de inteligência artificial e machine leaning (aprendizado de máquina), o sistema fornece “níveis” de chance de perder talentos – que podem ser alto,

10018669491?profile=RESIZE_710x

FOTO DE ARQUIVO: Logo da Pfizer visto do lado de fora de seu prédio em Manhattan, Nova York, Nova York, EUA, 2 de março de 2021.

REUTERS/Carlo Allegri/File Photo REUTERS

 

by Michael Erman | Reuters

 

Texto atualizado em 18/05/2022

 

(Reuters) - A Pfizer informou redução em sua equipe de vendas, pois espera que médicos e outros profissionais de saúde queiram menos interações cara a cara com vendedores após o término da pandemia de Covid-19.

A medida ocorre quando a empresa deve anunciar mais d

10498029256?profile=RESIZE_400x

Por Bruna Degani

 

Há, em muitos RHs, a dúvida sobre ser ou não permitido uma empresa ou patrão demitir colaboradores por meio do WhatsApp. O fato é que nossa legislação trabalhista não diz como o processo de demissão deve tramitar entre empresa e colaborador. A CLT (Consolidação das Leis do Trabalho) prevê, no artigo 487, que, não havendo prazo estipulado para a duração do contrato de trabalho, a parte que quiser rescindi-lo sem justo motivo deverá avisar a outra de sua decisão com antecedênci